São Paulo - Um tigre arrancou o dedo de um jovem de 18 anos embriagado que havia saltado por cima da barreira de segurança no zoológico do circo Zavatta em Madelieu-la-Napoule, no sudeste da França, informou a polícia nesta terça-feira.

Na tarde de domingo, o visitante, conhecido por seu vício em álcool, perambulava pelo local. Em um primeiro momento, entrou na zona reservada aos camelos para acariciá-los, e depois se dirigiu ao espaço dos tigres, explicou um policial de Mandelieu.

Ali saltou a barreira de proteção, apesar das inúmeras placas de advertência sobre o perigo, e tocou o nariz de um dos tigres que estava em sua jaula. Por instinto, o animal mordeu sua mão e arrancou a primeira falange do dedo indicador da mão direita.

Visivelmente pouco impressionado, o jovem "ria, sentado no chão" na chegada dos serviços de emergência, que o levaram a um hospital para que fosse operado.

"A investigação conclui que as medidas de segurança estavam sendo respeitadas e que a responsabilidade do circo não estava em questão", informou o policial.

Tópicos: Alcoolismo, Doenças, Animais, Europa, França, Países ricos