São Paulo – O acúmulo de funções da vida pessoal e profissional está pesando mais sobre as mulheres dos países em desenvolvimento. Essa é uma das conclusões do Women of Tomorrow Study, levantamento feito pela Nielsen Company com 6.500 mulheres de 21 países, sobre o que elas assistem e compram.

De acordo com o estudo, as mulheres da Índia, México e Rússia são as mais estressadas do mundo. As brasileiras aparecem em quarto lugar na lista.

Apesar de essa sobrecarga acontecer com mulheres do mundo todo, o sexo feminino tem sofrido mais com o estresse nos países emergentes. Isso acontece porque, no final do mês, sobra pouco dinheiro para elas gastarem consigo mesmas, ficando praticamente tudo para as despesas da casa e dos filhos.

Mesmo estando no topo da lista, as indianas são as que mais usam o dinheiro que ganham para cuidar de si. Seu maior nível de estresse está no fato de que o avanço das mulheres no estudo e no trabalho não mudaram os níveis sociais, nem a sua importância no grupo.

A pesquisa indica que, nos países em desenvolvimento, as mulheres tendem a gastar seu dinheiro extra com roupas, produtos de saúde e beleza, alimentos e educação para os filhos. Já as mulheres dos países desenvolvidos costumam usar a verba em viagens de férias, economias e pagamentos de dívidas.

Confira o ranking dos países com as mulheres mais estressadas:
 

Posição País Índice de mulheres estressadas
1 Índia 87%
2 México 74%
3 Rússia 69%
4 Brasil 67%
5 Espanha 66%
6 França 65%
7 África do Sul 64%
7 Itália 64%
8 Nigéria 58%
9 Turquia 56%
10 Reino Unido 55%
11 Estados Unidos 53%
12 Japão 52%
12 Canadá 52%
12 Austrália 52%
13 China 51%
14 Alemanha 47%
15 Tailândia 45%
15 Coreia do Sul 45%
16 Malásia 44%
16 Suécia 44%

Tópicos: Mulheres