Washington – O rapper Chris Brown sofreu na noite de sexta-feira um ataque convulsivo enquanto trabalhava em um estúdio de gravação em Los Angeles (EUA) devido a um 'forte estresse emocional', revelou neste domingo o portal de notícias 'E!'.

'Enquanto trabalhava de madrugada no estúdio, Chris sofreu um ataque convulsivo de caráter não epilético. Não foi hospitalizado', explicou por meio de um comunicado Nicole Perna, representante do artista.

O Departamento de Emergências de Los Angeles recebeu uma ligação do estúdio de Hollywood 'Record Plant' na madrugada mas o cantor não chegou a ser levado para um hospital.

'Seu médico o examinou durante o fim de semana e atribuiu o ataque à intensa fadiga e forte estresse emocional, ambos causados pela contínua profusão de acusações legais sem fundamento', acrescentou Perna.

Brown, de 24 anos, encontra-se em liberdade condicional desde que foi condenado em 2009 por agredir sua então namorada, a cantora Rihanna.

Em julho, o rapper voltou a ter problemas com a justiça por abandonar indevidamente o local de um acidente de trânsito e dirigir sem carteira.

Um juiz permitiu que o artista continue em liberdade até que se realize uma nova audiência, marcada para 15 de agosto, na qual se pronunciará sobre o caso. Brown pode ser condenado a passar até quatro anos na prisão.

Na semana passada o cantor anunciou sua intenção de deixar a música depois da publicação de seu mais recente álbum, 'X', pois estaria cansado de ver seu nome envolvido em escândalos. EFE

Tópicos: Los Angeles, Metrópoles globais, Califórnia, Indústria da música, Arte, Música, Entretenimento, Música pop