1) Tenha clara a sua estratégia.

Essa é a chave do êxito. Dedica algum tempo para meditar sobre isso. Quanto mais longa é a prova mais importância terá a tática com definições sobre a hidratação, alimentação e ritmo.

2) Tenha em conta os seus limites.

No largue em um ritmo muito forte. Você já conhece seu organismo por causa dos treinamentos e sabe até onde pode chegar no momento.

3) Largue em um ritmo mais suave do que o proposto para seu objetivo.

Arriscar no princípio pode ser perigoso e gerar uma lesão ou cansaço demasiado no final. Não perca todo o seu treinamento em alguns minutos por conta de uma estratégia errada.

4) Aproveite os treinos longos para pensar.

Decida a táctica a seguir, estuda o perfil da sua corrida e concentre-se na competição.

5) Motive-se.

Se você segue motivado, tudo sairá melhor no dia D. Segundo estudos, é possível melhor em até 20% seu desempenho no dia da competição. Porém, você só conseguirá isso com um trabalho no dia a dia. Melhor confiar em si mesmo.

6) Teu inimigo é a dor.

Ela é capaz de atemorizar e paralisar um atleta. Se pretende aguentá-la durante a competição é preciso estar bem treinado e capacitado para o esforço. Essa é a chave de sua tática.

Não esqueça de sempre ter clara uma estratégia antes de competir, mesmo que a distância seja curta. Essa pode ser a diferença entre o êxito e o fracasso.

Tópicos: Boa forma, Saúde e boa forma, Corrida, Esportes, Exercícios, Fitness, Malhação