Música britânica brilha na abertura dos Jogos Olímpicos

O público pôde ouvir os primeiros ritmos beat e rock dos anos 60 com Beatles, Rolling Stones, Kinks e Who

Londres- A música foi protagonista da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Londres que abrangeu desde os Beatles, com a presença de Paul McCartney, até a modernidade e juventude dos Arctic Monkeys.

McCartney foi responsável por um dos momentos mais emotivos da cerimônia quando interpretou a canção ‘The End’ e, em seguida, entoou os primeiros versos da clássica ‘Hey Jude’, com a qual contagiou todos os espectadores.

Os Arctic Monkeys, banda de Sheffield que se transformou em uma das maiores sensações do indie rock, tocaram seu primeiro single, ‘I Bet You Look Good In The Dancefloor’, e também homenagearam os Beatles com ‘Come Together’.

Uma das grandes surpresas da noite, o músico Mike Oldfield saiu de seu ostracismo dos últimos anos para interpretar sua composição mais emblemática, ‘Tubular Bells’, tirada do disco homônimo, um dos pilares do rock sinfônico.

Um dos números mais espetaculares da cerimônia, chamado ‘The Night Out’, recriou os mais variados estilos musicais das últimas quatro décadas.

O público pôde ouvir os primeiros ritmos beat e rock dos anos 60 com Beatles, Rolling Stones, Kinks e Who, sons que foram evoluindo com David Bowie, Jam, Specials, Queen, Eurythmics, além do punk de Sex Pistols e Clash, e a eletrônica de Eurythmics, New Order e Prodigy.

A falecida cantora Amy Winehouse também foi lembrada, assim como a tradicional trilha sonora do filme ‘Carruagens de Fogo’, que contou com uma atuação inesperada e inspirada do comediante Rowan Atkinson, famoso pelo personagem Mr. Bean.

Durante o desfile dos 204 países participantes soaram ininterruptamente canções representativas que fizeram da música britânica uma das mais apreciadas do mundo, com sucessos dos Bee Gees, Phil Collins, Pet Shop Boys e Adele, entre outros. EFE