Lollapalooza 2018: tudo para você curtir o festival

Veja o que você pode levar, quais são as opções de transporte, de alimentação e a previsão do tempo para os três dias de shows em São Paulo

São Paulo – A sétima edição do Lollapalooza no Brasil começa nesta sexta-feira (23) e segue até domingo (25), no Autódromo de Interlagos, em São Paulo.

Com mais de 70 atrações confirmadas, o maior festival indie/pop do país contará neste ano com shows de grandes artistas como Red Hot Chilli Peppers, LCD SoundSystem, Pearl Jam, Imagine Dragons, Lana Del Rey e The Killers.

Para curtir o festival numa boa, é preciso ficar atento a alguns detalhes do evento. EXAME.com reuniu as principais informações da organização: itens proibidos e permitidos, transporte, alimentação, previsão do tempo, mapa dos palcos e horários das apresentações. Confira!

Itens permitidos e proibidos

Como na maioria dos festivais de música do país, antes de acessar o espaço dos shows, todas as pessoas passam por revistas corporais e têm suas mochilas e bolsas examinadas. Veja quais são os itens permitidos e proibidos nesta edição do Lollapalooza.

O que pode levar:

– Pulseira Lolla Cashless by Next (que funciona como ingresso e meio de pagamento no festival)
– Documentos pessoais
– Chapéu ou boné
– Óculos Escuros
– Barra de cereal
– Canga
– Capa de chuva
– Protetor solar
– Protetor labial
– Câmera compacta
– Mochila ou bolsa
– Frutas cortadas
– Alimentos industrializados fechados

O que é proibido levar:

– Garrafas, latas de bebidas
– Utensílios de armazenagem, como geladeiras
– Embalagens rígidas com tampa
– Capacetes
– Cadeiras ou bancos
– Armas de fogo e armas brancas
– Objetos pontiagudos, cortantes ou perfurantes
– Fogos de artifício
– Objetos de vidro
– Câmeras fotográficas ou filmadoras profissionais ou com lente destacável
– Cartazes feitos com papelão grosso ou fixados a madeiras, canudos rígidos etc.
– Animais – exceto cães guias identificados e acompanhados de portadores de deficiência visual
– Bastão para tirar foto
– Guarda-chuva
– Substâncias inflamáveis ou corrosivas

Como chegar ao Lollapalooza

Apesar de o Autódromo de Interlagos ser afastado do centro de São Paulo, existem diversas opções de transporte que facilitam a chegada e a saída do público.

Metrô + trem

A forma mais barata de ir ao Lolla é pela rede rede de transporte metropolitano de SP, que integra metrô e trem. O destino final é a estação Autódromo, da linha 9-Esmeralda da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos). O acesso a essa estação pode ser feito pela estação Pinheiros (Linha 4-Amarela) do Metrô. Da estação Autódromo da CPTM, ainda é preciso caminhar cerca de 20 minutos até o Autódromo de Interlagos.

Na volta, é necessário ficar de olho nos horários de fechamento das estações.

Sexta-feira (23/3): os shows terminam às 23h e o metrô fecha à meia-noite
Sábado (24/3): os shows terminam às 23h15 e o metrô fecha à 1h
Domingo (25/3): os shows terminam às 22h30 e o metrô fecha à meia-noite

Ônibus

Outras opções de transporte público são os ônibus. De diversas partes da cidade saem linhas com destino a Interlagos. No site da SPTrans é possível conferir as ofertas.

Lolla Transfer

Saindo dos hotéis Hilton Morumbi e Transamérica Higienópolis, o transporte oficial do festival leva e traz o público ao Autódromo de Interlagos e o traz de volta. O preço desse serviço é 100 reais por dia. O bilhete deve ser adquirido antecipadamente pelo site do festival.

Estacionamento

Neste ano, o estacionamento para automóveis e motos do Lolla custa 120 reais. É necessário fazer a reserva antecipadamente neste site. A venda para vans, micro-ônibus e ônibus será feita na hora.

Aplicativos de transporte particular

Na ida, os táxis poderão parar próximos aos portões D, M, 7 e 8. Na hora de ir embora, serão montados pontos especiais para facilitar sua volta pra casa.

Já para quem for usar o Uber, o ponto de encontro será a Praça Enzo Ferrari, localizada na Av. Interlagos, próximo ao portão 7. Lá, haverá uma equipe de orientação para você encontrar seu motorista.

Cadastro de pulseiras

Uma das obrigatoriedades para entrar no festival é registrar sua pulseira com antecipação no site oficial do evento. Após o cadastro, ficará disponível a opção de carregá-la com dinheiro, para evitar filas na hora de comprar bebidas e alimentos.

Armários e recarga de celular

O festival disponibilizará os Lolla Lockers, armários com chave que podem ser divididos por até duas pessoas. O aluguel custa  50 reais (1 dia), 90 reais (2 dias) ou 120 reais (3 dias). A locação deve ser realizada com antecedência, por meio deste link ou pelo telefone (11) 4020-6728.

Também serão oferecidos carregadores de celular por 40 reais, com possibilidade de uma carga extra por 10 reais.

Alimentação

Um dos grandes diferenciais do Lollapalooza é a área de alimentação. Pelo quarto ano consecutivo, haverá o espaço “Chef’Stage“, onde renomados cozinheiros vão preparar refeições para o público. Nesta edição, os chefs farão pratos dentro do conceito Quick-Serve (comida de qualidade, preparada na hora, fresca e de serviço rápido).

O público também pode se deliciar com o espaço “Sabores do Mundo“, com comidas de diversos países e para todos os gostos.

Para quem não quer perder muito tempo se alimentando, mas precisa ter pique para acompanhar a maratona de shows, food trucks estarão espalhados por todo o Autódromo.

Previsão do tempo

Neste ano, o festival acontece no primeiro fim de semana do outono, que começou na última terça-feira. De acordo com a Clima Tempo, temperaturas mais altas serão predominantes nos três dias de shows, com máxima entre 28ºC e 30ºC. Mas atenção: pancadas de chuva no fim da tarde são esperadas.

No domingo, uma frente fria chega ao litoral paulista, o que pode aumentar o risco de chuvas intensas e temporais.

Mapa dos palcos

Nos três dias, os portões do festival serão abertos às 11h. Haverá uma bilheteria ao lado do portão 7, mas só serão vendidas entradas para a sexta-feira (23). Para os outros dias, os ingressos já estão esgotados.

Mapa dos palcos Lollapalooza 2018

Horário dos shows principais

Sexta (23)

13h40 – Vanguart (Palco Onix)

14h30 – Mallu Magalhães (Palco Axe)

14h30 – Rincon Sapiência (Palco Budweiser)

19h35 – LCD SoudSystem (Palco Onix)

21h10 – Mac Demarco (Palco Axe)

21h10 – Red Hot Chilli Peppers (Palco Budweiser)

22h – Alok (Palco Perry’s by Doritos)

Sábado (24)

16h10 – O Terno (Palco Axe)

17h15 – David Byrne (Palco Onix)

18h20 – Mano Brown (Palco Axe)

19h25 – Imagine Dragons (Palco Onix)

21h – Pearl Jam (Palco Budweiser)

Domingo (25)

14h10 – Tiê (Palco Axe)

16h10 – The Neighbourhood (Palco Budweiser)

16h10 – Tropikillaz (Palco Axe)

18h20 – Liam Gallagher (Palco Budweiser)

19h25 – Lana Del Rey (Palco Onix)

21h – The Killers (Palco Budweiser)

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.