Liverpool receberá assessoria por punição a Suárez

O time receberá assessoria sobre o caso do uruguaio Luis Suárez, punido rigorosamente pela Fifa, por considerar que se trata de um incidente sem precedentes

Londres – O Liverpool receberá assessoria legal sobre o caso do atacante uruguaio Luis Suárez, punido rigorosamente pela Fifa na quinta-feira, por considerar que se trata de um incidente sem precedentes, segundo afirmam veículos da imprensa britânica.

Além de levar um gancho de nove partidas pelo Uruguai, o jogador foi multado em 100 mil francos suíços (R$ 271 mil) e está banido de qualquer atividade relacionada ao futebol por quatro meses após morder o zagueiro italiano Giorgio Chiellini no ombro esquerdo.

O episódio ocorreu na terça-feira, durante a partida entre Uruguai e Itália, que terminou com vitória e classificação da equipe sul-americana para as oitavas de final da Copa do Mundo.

Segundo a imprensa britânica, representantes do Liverpool devem se reunir nesta sexta-feira em Barcelona com o advogado do jogador, Alejandro Balbi, para discutir sobre uma possível transferência do atacante, que está na mira do clube catalão.

O Liverpool já deixou claro que estudará a sanção imposta pela Fifa antes de se pronunciar. A punição também afetará o desempenho do clube, já que o jogador estará fora do time nos primeiros compromissos do Campeonato Inglês.

Essa é a terceira vez que Suárez é suspenso por morder um adversário. Quando ainda jogava pelo Ajax, em 2010, o uruguaio foi punido com sete partidas de suspensão. Já com a camisa do Liverpool, o jogador levou um gancho de dez partidas.