Johnny Depp deslumbra como vampiro em estreia

Em ''Sombras da Noite'', ele interpreta o papel de Barnabas Collins, um jovem do século XVIII que se transforma em vampiro por culpa do feitiço de uma amante

Londres – O ator americano Johnny Depp atraiu os holofotes durante a estreia na Europa do filme ”Sombras da Noite”, do diretor Tim Burton, no qual interpreta um vampiro.

Centenas de fãs do ator, alguns deles vindos de longe para o evento em Londres, esperaram durante horas às portas do cinema Empire em Leicester Square para prestigiar o ídolo, e também louvaram o trabalho de Tim Burton, que já fez oito produções com a parceria de Depp.

”Nos conhecemos muito e, embora tenhamos feito muitos filmes juntos, trabalhar com ele é sempre emocionante. Em cada projeto há algo novo e fresco, não tedioso”, comentou o ator em entrevista à Agência Efe.

Em ”Sombras da Noite”, ele interpreta o papel de Barnabas Collins, um jovem do século XVIII que se transforma em vampiro por culpa do feitiço de uma amante despeitada.

A particular estética dos filmes de Burton também esteve muito presente nesta estreia peculiar, especialmente pelas mãos da mulher do diretor, a atriz Helena Bonham-Carter, que apareceu com um vestido muito gótico próprio das produções de seu marido.

Junto a ela também desfilaram o restante dos protagonistas do filme, como a deslumbrante Eva Green, de veludo azul, a jovem Chloë Grace Moretz e a veterana Michelle Pfeiffer, que exibiu um decotado vestido vermelho.


Do outro lado das grades de proteção, os fãs, que durante horas suportaram a chuva que caiu sobre Londres até pouco antes do início do evento, também tinham se preparado para a ocasião com cartazes, fotografias para o autógrafo dos ídolos e fantasias de vampiro.

A mitomania se evidenciou com o caso de Samanta, que viajou da Argentina com sua mãe só para ver o ídolo.

”Me encanta Johnny Depp. Desde que me conheço por gente, me apaixonam seus filmes. Já que estamos aqui, aproveitaremos para viajar, mas o fundamental é a estreia”, disse a jovem enquanto, a seu lado, sua mãe, Ana Maria, sussurrava ”fanática, é uma fanática”.

Mas Samanta, assim como muitos dos fãs que esperavam com fotos do ator, não conseguiram uma assinatura do ídolo, que não se aproximou das grades para distribuir autógrafos.