Dólar R$ 3,27 -0,31%
Euro R$ 3,66 0,08%
SELIC 11,25% ao ano
Ibovespa 1,60% 62.662 pts
Pontos 62.662
Variação 1,60%
Maior Alta 9,53% JBSS3
Maior Baixa -1,42% EMBR3
Última atualização 23/05/2017 - 17:20 FONTE

Híbrido Prius, da Toyota, chega ao Brasil em janeiro

Modelo chega importado do importado do Japão por R$ 120 mil

São Paulo – A Toyota anunciou nesta segunda-feira o início das vendas em janeiro de 2013 do carro híbrido Prius, importado do Japão, e já estipulou em R$ 120 mil o preço do modelo comercializado no País, caso as vendas começassem imediatamente. “Uma pequena variação poderá ocorrer em virtude do cenário macroeconômico”, disse o presidente da montadora no Brasil, Luiz Carlos Andrade Jr. Segundo ele o Prius pretende tornar “mais limpos os grandes congestionamentos que são uma tendência nas grandes cidades”.

O modelo, que funciona com um motor movido a energia elétrica e outro a gasolina, foi lançado em 1997 e já vendeu 2,8 milhões de unidades no mundo. No Brasil, a Toyota espera vender mil unidades em 2013, bem mais que seu único concorrente da categoria, o Ford Fusion híbrido, cujas vendas anuais ficam em torno de 50 veículos.

“A tecnologia híbrida é indispensável e será a ponte de outros veículos da próxima geração”, disse Mitsuhisha Kato, vice-presidente executivo da Toyota, durante o Salão do Automóvel de São Paulo. Na apresentação, o ex-jogador do Flamengo e atual técnico Iraque, Zico, ídolo no Japão, onde também atuou, recebeu uma chave do modelo.

Produção

A Toyota anunciou ainda que pretende ampliar de 70 mil para 100 mil unidades a capacidade de produção do Etios, hatch recém-lançado que tem, entre outros concorrentes, o VW Gol, o Chevrolet Onix e o Hyundai HB20. “Entramos em um segmento que domina 65% do mercado nacional e por isso a meta precisa ser revista. Até o final do ano, toda a produção já foi comprometida”, disse Andrade Jr.

O executivo afirmou que investimentos adicionais na fábrica de Sorocaba (SP), onde o Etios é produzido, serão feitos e que possivelmente um novo turno de produção será necessário. No entanto, o presidente da Toyota no Brasil não quis divulgar a estimativa de valor nem quando o novo turno será implantado.

Além do Etios, a Toyota vende no Brasil o sedã Corolla, produzido em Indaiatuba (SP), a picape Hilux e a station SW4, importadas da Argentina, além do japonês sedã de luxo Camry.