Filme sobre Pussy Riot é pré-selecionado para Oscar

Um filme dedicado ao grupo de mulheres russas Pussy Riot foi pré-selecionado para concorrer ao Oscar 2014 na categoria de melhores documentários

Los Angeles – Um filme dedicado ao grupo de mulheres russas Pussy Riot e um sobre um fotografo de guerra britânico morto há dois anos na Líbia foram pré-selecionados para concorrer ao Oscar 2014 na categoria de melhores documentários. “Pussy Riot: A Punk prayer” e Which Way Is the Front Line from Here? The Life and Time of Tim Hetherington” foram escolhidos para a lista dos 15 documentários que serão escolhidos para a cerimônia da Academia de cinema norte-americana que acontece em 2 de março de 2014.

Desta primeira lista, que em 16 de janeiro será reduzida a cinco documentários, fazem parte também “The Armostrong lie”, sobre o ciclista norte-americano Lance Armstrong, que acabou com a carreira após denúncias de doping.

Os documentários serão apresentados no Festival Sundence de Cinema em janeiro em Utah, nos Estados Unidos.

Maxim Pozdorovkin, co-realizador do documentário do gripo russo Pussy Riot, da qual duas mulheres foram presas na Rússia por terem cantado uma “oração punk” contra o então primeiro-ministro Vladimir Putin, explicou que a contestação do grupo ia além do presidente russo e era muito direta “sobre o que ele representa, um sistema político antiquado”.

O fotografo Tim Hetherington tinha recebido uma indicação para o Oscar em 2010 pelo seu filme “Resrepo”, o seu testemunho sobre a guerra no Afeganistão.