Fifa frustra CBF e mantém suspensão a Thiago Silva

Com isso, o zagueiro está fora da disputa da semifinal contra a Alemanha

Rio – A Fifa negou nesta segunda-feira o pedido feito pela CBF para anular o cartão amarelo recebido pelo capitão da seleção brasileira, Thiago Silva, na partida contra a Colômbia, pelas quartas de final da Copa do Mundo. Com isso, o zagueiro está fora da disputa da semifinal contra a Alemanha, marcada para esta terça-feira, no Mineirão, em Belo Horizonte.

“Quanto ao pedido da CBF para o cancelamento do cartão amarelo mostrado ao jogador Thiago Emiliano da Silva durante o jogo disputado contra a Colômbia, o presidente [o suíço Claudio Sulser] chegou à conclusão de que o Comitê Disciplinar da Fifa não pode considerar o assunto, dado o fato de que não há base legal que autoriza a concessão de tal pedido”, disse comunicado da entidade.

Thiago Silva levou seu segundo cartão amarelo nesta Copa ao atrapalhar a reposição de bola do goleiro Ospina durante o segundo tempo da partida contra a Colômbia, pelas quartas de final. O zagueiro bloqueou o chute do goleiro, que tentava surpreender o Brasil em lance de contra-ataque.

O cartão amarelo irritou o técnico Luiz Felipe Scolari, que declarou ao fim da partida que pediria a anulação da advertência. A CBF, então, fez a solicitação, rejeitada pela Fifa nesta segunda.

Com a suspensão mantida, Felipão deve escalar Dante no lugar do capitão. O zagueiro reserva poderá ser de grande ajuda porque está acostumado a jogar com vários titulares da Alemanha no Bayern de Munique. A semifinal contra os alemães será disputada às 17 horas desta terça-feira.