Dólar R$ 3,28 0,59%
Euro R$ 3,67 0,09%
SELIC 11,25% ao ano
Ibovespa -1,54% 61.673 pts
Pontos 61.673
Variação -1,54%
Maior Alta 7,00% EMBR3
Maior Baixa -31,34% JBSS3
Última atualização 22/05/2017 - 17:21 FONTE

Ele tem só 15 anos e uma coleção incrível de emblemas policiais

Meio que sem querer, o jovem Arthur Mazur já acumula mais de 100 emblemas de diferentes departamentos do mundo

São Paulo – Foi a partir de um e-mail sem grandes pretensões que o adolescente, de apenas 15 anos, começou uma coleção de emblemas de polícia de diferentes corporações do mundo.

A iniciativa – que começou em agosto do ano passado –  já conta com mais de 100 emblemas e todos, de acordo com o jovem, foram enviados pelos próprios departamentos de polícia depois de um singelo pedido feito por e-mail.

“Meu sonho é ser policial e sempre soube dos emblemas. Um dia, mandei um e-mail para a polícia de Boston, nos Estados Unidos, pedindo um”, afirmou o adolescente.

Arthur só não esperava receber o emblema da polícia de Boston na sua casa 25 dias depois do pedido. “A partir daí comecei a coleção e a pedir emblemas para vários departamentos”.

Emblema da polícia de Boston, nos EUA

(Arquivo Pessoal/Reprodução)

Entre as dezenas de logotipos, o adolescente possui emblemas da polícia da cidade de Nova York, dos bombeiros da Antártida e até dos departamentos policiais do Canadá, Espanha e Holanda.

Segundo o jovem, todos os emblemas foram doações. “Não precisei comprar nenhum e tenho recebido de três a quatro emblemas por dia. Minha meta é chegar a pelo menos 500”, explica o adolescente.

O adolescente não esconde a predileção por alguns deles, entre eles, o logo do United States Marshals Service – unidade da polícia federal dos Estados Unidos – é o seu favorito.

United States Marshals Service

Já na lista dos emblemas que ele ainda não possui, o da polícia de Rochester, em Nova York, está entre as suas ambições. De acordo com o jovem, o pedido já foi feito e agora é só aguardar.

Quando conseguir atingir a meta de pelo 500 emblemas, Arthur já sabe o que fazer com eles: um grande mural em seu quarto.

“Mas, quando começar minha carreira policial, espero poder trocar o emblema do meu departamento com outros departamentos do mundo inteiro”, afirmou o adolescente.