Confirmado: o BMW Série 8 está de volta – mais belo do que nunca

Cupê de estilo clássico chega em 2018 para substituir o Série 6

A BMW foi a primeira a transformar SUVs em cupês e já criou vários cupês de quatro portas. No Concorso d’Eleganza de Villa d’Este, na Itália, ela tentará se redimir com fãs dos verdadeiros cupês com a apresentação do BMW Série 8 Concept. O evento começa amanhã (26) e vai até domingo.

O conceito antecipa novo cupê 2+2 de luxo da fabricante alemã, que deverá ganhar as ruas em 2018. Ele traz de volta a denominação Série 8, utilizada pela primeira vez entre 1991 e 1999 e que foi um dos BMW mais belos de seu tempo. Seus motores eram o V12 com até 370 cv de potência e o V8 4.0 de 286 cv.

Faróis afilados, grade “bicuda” e para-choques com direcionadores de ar para os freios

Faróis afilados, grade “bicuda” e para-choques com direcionadores de ar para os freios (BMW/Divulgação)

No design, os faróis estreitos e a grade dividida em formato incomum impressionam. O para-choque frontal tem grandes tomadas de ar que direcionam o ar para resfriamento dos freios (estes com enormes discos e pinças douradas) e para saídas de ar laterais.

Lanternas invadem as laterais e se integram à musculatura das caixas de rodas

Lanternas invadem as laterais e se integram à musculatura das caixas de rodas (BMW/Divulgação)

A traseira tem belas lanternas de led que lembram as do i8. As saídas de escape estão integradas ao design do para-choque traseiro, da mesma forma que o spoiler é parte da tampa do porta-malas.

A despeito do volante com design incomum e Alcantara até mesmo em seu miolo, o interior parece mais próximo da realidade de um carro de produção. O quadro de instrumentos é digital, mas ainda há uma tela a parte para concentrar sistemas de entretenimento. Comandos de ar-condicionado e som estão logo abaixo.

Volante e coluna de direção são revestidos de Alcantara; console central é de fibra de carbono

Volante e coluna de direção são revestidos de Alcantara; console central é de fibra de carbono (BMW/Divulgação)

Painel de instrumentos tem navegador 3D com indicação de obstáculos

Painel de instrumentos tem navegador 3D com indicação de obstáculos (Quatro Rodas/Divulgação)

Quando entrar em produção, em 2018, o novo BMW Série 8 será uma espécie de sucessor do Série 6 Coupé (da mesma forma que o Série 3 Coupé se transformou no Série 4). Sua plataforma será a mesma dos Série 5 e 7.

Conceito deverá entrar em produção em 2018

Conceito deverá entrar em produção em 2018 (BMW/Divulgação)

Spolier integrado e duas saídas de escape na traseira

Spolier integrado e duas saídas de escape na traseira (BMW/Divulgação)

A BMW não fala sobre o motor que equipa o conceito, mas registrou no início deste ano as seguintes designações: 825, 830, 835, 850, 845, 860, M850 e M8 – o que pode indicar que uma versão Motorsport já está nos planos.

Espera-se que o Série 8 de produção receba variações do motor seis em linha 3.0 turbo, do V8 4.4 turbo e o V12 6.6 com 609 cv dos Série 7 M760Li.

Este conteúdo foi originalmente publicado no site da Quatro Rodas.