Como aproveitar os melhores pontos turísticos do mundo

O TripAdvisor elencou o que fazer e o que não fazer quando visitar cada atração.

São Paulo – Já falamos aqui sobre os principais pontos turísticos do mundo. Agora, com base na opinião dos próprios turistas, o TripAdvisor elencou o que fazer e o que não fazer quando visitar cada atração.

As dicas foram selecionadas com base nas avaliações dos próprios usuários do site que já estiveram nas regiões e constataram o que vale a pena ou não em cada uma delas. 

Veja abaixo como aproveitar os melhores pontos turísticos do mundo.

1 – Machu Picchu, Machu Picchu, Peru

Fazer: Reserve o passeio para a Inca Trail com antecedência de 3 a 4 meses, especialmente se você planeja fazer a viagem entre junho e agosto.

Não fazer: Não deixe que a multidão te impeça de tirar aquela foto incrível! Passe uma noite em um hotel de Aguas Calientes e pegue o primeiro ônibus para as ruínas logo pela manhã, assim você pode ver Machu Picchu antes que os turistas cheguem.

2 – Grande Mesquita Sheikh Zayed, Abu Dhabi, Emirados Árabes

Fazer: Vista-se de forma respeitosa. Vá com calças ou saias longas, blusas soltas e mangas compridas e um lenço na cabeça para mulheres. Também podem pegar as capas abaya disponíveis para empréstimo durante a visita.

Não fazer: Não se esqueça de verificar se existe um tour gratuito no dia da sua visita. Essa é uma ótima maneira de expandir seu conhecimento sobre os Emirados Árabes e conversar com um morador local.

3 – Angkor Wat, Siem Reap, Camboja

Fazer: Planeje sua visita de maneira estratégica. O Angkor Wat abre para o nascer do sol, enquanto os outros templos abrem às 7h30, então programe sua primeira parada no templo que deseja ver primeiro e faça o restante do passeio em seguida.

Não fazer: Não sinta medo de ir no sentido contrário das multidões. Se você deseja subir até o santuário Bakan (no andar de cima do Angkor Wat) tente fazê-lo depois do nascer do sol, quando a maioria dos grupos costuma descer para tomar café, o que significa menos tempo nas filas.

4 – Basílica de São Pedro, Vaticano, Itália

Fazer: Separe ao menos de uma a duas horas para a sua visita. Um bom plano é chegar logo quando a Basílica abre e fazer a primeira parada na Cúpula. Apesar de a entrada da Basílica ser gratuita, você vai precisar de um ingresso.

Não fazer: Não planeje sua visita sem uma data específica em mente. As Audiências Papais são normalmente realizadas às quartas-feiras, às 10h, na praça de São Pedro. Nesses casos, a Basílica permanece fechada até por volta das 12h. Se você se planejar, é possível solicitar um ingresso para a Audiência Papal, que é gratuita.

5 – Taj Mahal, Agra, Índia

Fazer: Preste muita atenção à data de compra do seu ingresso, já que ele é válido apenas para o dia impresso no bilhete.

Não fazer: Não deixe a temporada de monções (de julho a setembro) impedir a sua visita. Normalmente não chove durante o dia todo (talvez no máximo meia hora), então apenas seja prevenido e leve uma capa de chuva e guarda-chuva.

6 – Catedral de Córdoba, Córdoba, Espanha

Fazer: Atente-se para o fato de que os horários de abertura da mesquita variam todos os dias. Para garantir que ela estará aberta, cheque o calendário com antecedência no site oficial.

Não fazer: Não se preocupe com as multidões. Mesmo na alta temporada, ainda há um espaço amplo para conhecer o lugar majestoso.

7 – Igreja do Salvador do Sangue Derramado, São Petersburgo, Rússia

Fazer: Pesquise antes o passado histórico dessa atração. Você terá uma apreciação e compreensão diferente sobre o que verá nesse passeio imperdível.

Não fazer: Não presuma que o exterior incrível é a parte principal. Não é o suficiente apenas admirar a catedral do lado de fora, deve-se também entrar nela. A Igreja do Salvador do Sangue Derramado foi construída no fim dos anos 1880, tem mais de 7.500 metros quadrados de mosaicos de tirar o fôlego e detalhes históricos cativantes.

8 – A Alhambra, Granada, Espanha

Fazer: Reserve seus ingressos assim que definir a data da visita. Lembre-se também que você precisará de ao menos cinco horas para ver o monumento inteiro, então não planeje mais nenhum outro compromisso.

Não fazer: Não se atrase. Prepare-se para chegar com pelo menos 30 minutos de antecedência do horário impresso no seu ingresso.

9 – Lincoln Memorial e Espelho D’Água, Washington D.C., Estados Unidos

Fazer: Considere fazer um tour guiado. A cidade de Washington está rodeada por monumentos e museus, e mesmo os entusiastas de história podem se beneficiar com um expert que conte cada detalhe. Muitos tours passam por diversas atrações e deixam que você evite filas, o que pode ajudar a otimizar o seu tempo.

Não fazer: Não menospreze o significado histórico dessa atração. Você não apenas precisará observar a imensa estátua de Lincoln como também deve ler as palavras ditas por ele no Discurso de Gettysburg que estão inscritas na parede. O Espelho D’Água presenciou outro discurso histórico: foi lá que Martin Luther King Jr. proferiu “Eu tenho um sonho”.

10 – Catedral (Duomo), Milão, Itália

Fazer: Separe de duas a três horas do seu dia para essa visita. Se você for visitá-la durante o verão, leve um chapéu para se proteger do sol e certifique-se de beber bastante água e aproveitar um delicioso gelato.

Não fazer: Não deixe o entusiasmo de estar em Milão subir à cabeça. Apesar de a visita à catedral ser obrigatória, o telhado do templo costuma ser menosprezado mesmo sendo uma maneira excelente de desfrutar a maravilhosa arquitetura e cenário da cidade.