Presidente da TIM indica que empresa vai se manter afastada da Oi

O foco da TIM neste momento, frisou, é trabalhar na retomada de suas operações e em crescimento orgânico

São Paulo – A Oi, que está em processo de recuperação judicial, tem problemas que não são setoriais, na opinião do presidente da TIM, Stefano De Angelis. Dessa forma, a operadora se manterá afastada da companhia.

“Não queremos nos aproximar de problemas que não são da indústria. A Oi tem outro tipo de problema”, disse De Angelis, nesta quarta-feira, 19, em conversa com jornalistas após participar de painel do Futurecom.

O foco da TIM neste momento, frisou, é trabalhar na retomada de suas operações e em crescimento orgânico. Segundo ele, é possível que no segmento móvel “quatro operadoras sobrevivam muito bem”.