Promotoria francesa pede processo a HSBC por fraude

Processo vem após fracasso de negociações entre a justiça francesa e o banco sobre um procedimento de reconhecimento de culpa

A promotoria financeira nacional da França (PNF) pediu nesta terça-feira o processo correcional da filial suíça do banco britânico HSBC, HSBC Private Bank (HSBC PB) Suíça, por lavagem e fraude fiscal, indicou nesta sexta-feira uma fonte judicial.

Segundo esta fonte próxima ao caso, que confirmou uma informação do jornal Le Monde, este pedido de processo se formula após o fracasso de negociações entre a justiça francesa e o banco sobre um procedimento de reconhecimento de culpa.

O banco negou-se a pagar a multa exigida.

A fonte recusou-se a revelar o montante da multa. Por sua vez, a PNF se negou a fazer comentários sobre o caso.

Cabe agora aos juízes decidir ou não processar o banco.

Além da fraude fiscal, a promotoria pediu que o banco seja julgado por atividade proporcional ilícita.

Os fatos evocados teriam ocorrido em 2006 e 2007.

O HSBC PB é alvo de acusações de evasão fiscal em grande escala em nível mundial.

Sua casa matriz britânica reconheceu erros, mas declarou que estas práticas ficaram para trás.