OMC, FMI e Banco Mundial pedem abertura comercial ao G20

As organizações disseram que o bem-estar econômico de bilhões de pessoas depende do comércio, e que isso exige "ações decisivas" dos líderes mundiais

Os líderes da Organização Mundial do Comércio (OMC), do Banco Mundial e do Fundo Monetário Internacional (FMI) pediram nesta quinta-feira aos líderes do G20 que concordem com ações para revitalizar o comércio e respaldar os trabalhadores.

“O bem-estar econômico de bilhões de pessoas depende do comércio. Uma integração comercial maior com políticas domésticas de sumiste pode ajudar a aumentar a renda e acelerar o crescimento global. Isso exige ações decisivas dos líderes mundiais que se reúnem para a cúpula do G20 nesta semana”, afirmaram os líderes em uma declaração conjunta.