Dólar R$ 3,27 -0,54%
Euro R$ 3,65 0,07%
SELIC 11,25% ao ano
Ibovespa 1,36% 64.085 pts
Pontos 64.085
Variação 1,36%
Maior Alta 4,89% RADL3
Maior Baixa -6,09% JBSS3
Última atualização 26/05/2017 - 17:20 FONTE

Novos empréstimos na China sobem mais que esperado em dezembro

Quantia de 1,04 trilhão de yuans é maior que o volume registrado em novembro e superou a previsão de analistas

Pequim – Os bancos chineses liberaram 1,04 trilhão de yuans (US$ 149,9 bilhões) em novos empréstimos em dezembro, segundo dados publicados hoje pelo Banco do Povo da China (PBoC, o BC chinês).

O resultado é maior que o volume de 794,6 bilhões de yuans registrado em novembro e superou a previsão de 11 analistas consultados pelo Wall Street Journal, de 676 bilhões de yuans em novos empréstimos.

Contratos de financiamento de médio e longo prazos para empresas não financeiras, que medem a demanda do setor corporativo, saltaram para 695,4 bilhões de yuans em dezembro, representando mais que o triplo do montante de 201,8 bilhões de yuans observado no mês anterior, de acordo com cálculos do WSJ baseados nos números do PBoC.

Os financiamentos imobiliários, também de médio e longo prazos, somaram 421,7 bilhões de yuans em dezembro, respondendo por 41% dos novos empréstimos, ante 72% em novembro.

O financiamento social total, uma medida mais ampla do crédito na economia chinesa, ficou em 1,63 trilhão de yuans em dezembro, recuando um pouco em relação a novembro, quando atingiu 1,74 trilhão de yuans.

Já a base monetária da China (M2) teve aumento anual de 11,3% em dezembro, após avançar em ritmo um pouco mais forte em novembro, de 11,4%. Analistas haviam previsto para o mês passado novo avanço de 1,4%. Fonte: Dow Jones Newswires.