São Paulo - O salário mínimo no Brasil deveria ser de R$ 3.725,01, de acordo com o Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos).

Foi este o valor mínimo em fevereiro para "suprir as despesas de um trabalhador e sua família com alimentação, moradia, saúde, educação, vestuário, higiene, transporte, lazer e previdência", segundo a instituição.

O cálculo é feito mensalmente com base no valor da cesta básica mais cara, que atualmente é a de São Paulo (R$ 443,40).

O valor de fevereiro é um pouco menor do que o de janeiro (R$ 3.725,01), mas supera o de dezembro (R$ 3.518,51) e é 4 vezes maior do que o salário mínimo atual (R$ 880).

Em fevereiro de 2015, o valor necessário para suprir todas as despesas básicas era de R$ 3.182,81, também 4 vezes o salário mínimo então em vigor (R$ 788).

Em um vídeo postado no site Porque.com.br, o economista Carlos Eduardo Gonçalves explica quais seriam as consequências práticas se um salário mínimo nesse patamar fosse estabelecido por lei:

"O que vai acontecer com a pessoa hoje empregada que ganha um salário baixo? (...) Você acha que elas vão continuar todas empregadas ganhando R$ 3.700 ou elas vão ser mandadas emboras porque a contribuição delas pro produto final da empresa não vale esses R$ 3.700?". 

Veja o valor do salário mínimo nominal e necessário nos últimos meses:

Período Salário mínimo nominal Salário mínimo necessário
fev/16 R$ 880 R$ 3.725,01
jan/16 R$ 880 R$ 3.795,24
dez/15 R$ 788 R$ 3.518,51
nov/15 R$ 788 R$ 3.399,22
out/15 R$ 788 R$ 3.210,28
set/15 R$ 788 R$ 3.240,27
ago/15 R$ 788 R$ 3.258,16
jul/15 R$ 788 R$ 3.325,37
jun/15 R$ 788 R$ 3.299,66
mai/15 R$ 788 R$ 3.377,62
abr/15 R$ 788 R$ 3.251,61
mar/15 R$ 788 R$ 3.186,92
fev/15 R$ 788 R$ 3.182,81

Tópicos: Custo de vida, Dieese, Renda, Salário mínimo, Valor do salário mínimo