São Paulo - A produção brasileira de aço bruto foi de 2,5 milhões de toneladas em janeiro deste ano, o que corresponde a uma queda de 17,9% em relação ao verificado no mesmo mês de 2015, segundo informou nesta quinta-feira, 18, o Instituto Aço Brasil.

A produção de laminados somou 1,6 milhão de toneladas em igual período, uma redução de 18,7% na mesma comparação.

As vendas internas diminuíram 26,8% frente a janeiro de 2015 e totalizaram 1,2 milhão de toneladas de produtos.

As importações também recuaram, em forte baixa de 72,4%, totalizando 105 mil toneladas, equivalentes a US$ 123 milhões.

O instituto destacou que a retração das compras externas se deve à desvalorização do real e ao fraco consumo de aço no país.

No total, o consumo aparente nacional foi de 1,3 milhão de toneladas de produtos siderúrgicos em janeiro passado, 35% menor do que no mesmo período do ano anterior.

Já as exportações de produtos siderúrgicos caíram em ritmo menor, atingindo 1,0 milhão toneladas em janeiro, o que corresponde a uma queda de 8,6% em volume.

Em valor, porém, as vendas internacionais renderam 45,4% menos quando comparadas a janeiro de 2015, somando US$ 372 milhões.

Tópicos: Aço, Economia brasileira, Produtividade, Gestão