Energia boa, segura e acessível

São Paulo - O Brasil é o 34º país com o sistema de energia elétrica mais eficiente no mundo, segundo levantamento feito pelo Conselho Mundial de Energia (WEC, na sigla em inglês). Na edição 2013, o Índice de Sustentabilidade Energética avaliou o desempenho de mais de 100 países em três quesitos - segurança energética, equidade no acesso à luz e redução do impacto ambiental. O desafio é ter um sistema elétrico confiável, de alta qualidade e baixo custo econômico e ambiental.

O estudo sugere que o Brasil deve explorar melhor as possibilidades apresentadas pela biomassa, incluindo a cana de açúcar e as reservas do pré-sal. "Ambos irão impactar a segurança energética do país positivamente e mudar o papel do país no mercado global de energia", diz o texto, destacando em seguida a necessidade de se avaliar melhor os efeitos sobre o meio ambiente e trabalhar para reduzir os riscos. Veja a colocação do Brasil no quadro abaixo:

Ranking geral  34º 
Segurança energética  27º
Equidade no acesso a energia  86º
Redução do impacto ambiental  17º
 


Tópicos: Alemanha, Europa, Países ricos, Austrália, Canadá, Dinamarca, Espanha, Piigs, Estados Unidos, Finlândia, França, Geração de energia, Infraestrutura, Gestão ambiental, Holanda, Meio ambiente, Noruega, Nova Zelândia, Reino Unido, Sustentabilidade, Suécia, Suíça, Transmissão de energia, Áustria