São Paulo - O ministro dos Transportes, César Borges, reafirmou nesta segunda-feira, 28, que o leilão de concessão da rodovia federal BR-163, no trecho de Mato Grosso, será realizado dia 27 de novembro e que a disputa pelo lote que engloba as BRs 060, 153 e 262 (DF/GO/MG) ocorrerá no dia 4 de dezembro.

Borges também declarou que o leilão do trecho do Mato Grosso do Sul da BR-163 deve acontecer em 17 de dezembro, mas essa data está condicionada ao prazo que o Tribunal de Contas da União (TCU) utilizará para liberar o projeto.

Borges não quis arriscar quantos consórcios entrarão nesses leilões, mas afirmou estar otimista.

Segundo ele, desde o fracasso da disputa da BR-262 (ES/MG) o governo adotou medidas para afastar riscos dos empreendimentos e proporcionar maior previsibilidade a potenciais interessados.

Para as rodovias que apresentam risco elevado de demanda, Borges disse que elas serão ofertadas pelo sistema de parceria público-privada (PPP), como é o caso das BRs 101 (BA), 116 (MG), 153 (TO) e 262 (MG/ES).

"Quando não houver possibilidade de equacionar modicidade tarifária e equilíbrio econômico da concessão, o governo estuda trechos como PPP", disse, após participar de evento com empresários na capital paulista.

A estimativa é de que a BR-101, a 116 e a 153 sejam as primeiras a serem leiloadas por esse modelo.

Tópicos: Concessões, Privatização, Exploração de rodovias, Leilões, Ministério dos Transportes