Buenos Aires - O presidente da Argentina, Mauricio Macri, recebeu nesta quarta-feira a alta representante da União Europeia (UE) para Relações Exteriores e Política de Segurança, Federica Mogherini, de visita oficial no país, com quem dialogou sobre a importância de ampliar os laços entre UE e Mercosul.

De acordo com fontes oficiais, a reunião, que aconteceu na residência presidencial Quinta de Olivos, na província de Buenos Aires, teve como objetivo fortalecer a cooperação entre a Argentina e o bloco europeu.

Um dos principais temas pendentes entre UE e Mercosul, bloco integrado por Brasil, Argentina, Paraguai, Uruguai e Venezuela, é a concretização de um acordo de livre-comércio.

Tanto Macri como Mogherini analisaram também a possibilidade de coordenar ações em matéria de energia renovável e a alta representante europeia convidou o líder argentino para visitar a sede da UE, em Bruxelas.

Participaram do encontro o chefe de Gabinete argentino, Marcos Peña, e a chanceler, Susana Malcorra, assim como o chefe de Gabinete da UE, Stefano Manservisi.

Mogherini chegou hoje a Buenos Aires, foi recebida por Malcorra e depois cumpriu a tradição de deixar flores no monumento em homenagem ao general San Martín.

A agenda da diplomata em Buenos Aires inclui uma entrevista coletiva para detalhar os resultados da visita e reuniões com empresários e embaixadores europeus. 

Tópicos: América Latina, Argentina, Comércio exterior, Comércio, Mauricio Macri, Mercosul, Europa, União Europeia