Aguarde...

IPCA | 07/10/2011 09:03

Inflação sobe 0,53% em setembro e estoura a meta pelo sexto mês seguido

IPCA acumula alta de 7,31% em 12 meses, o patamar mais alto desde junho de 2005

Agência Brasil

Tombini participa de seminário internacional sobre Justiça Fiscal

Tombini e os diretores do BC têm a missão de manter a inflação abaixo de 6,50%

São Paulo A inflação oficial subiu 0,53%% em setembro e acumulou alta de 7,31% em 12 meses, ultrapassando o teto da meta (6,50%) pelo sexto mês consecutivo e atingindo o maior patamar desde junho de 2005 (veja evolução no quadro abaixo). Em agosto, o IPCA tinha subido 0,37%.

"Os preços dos alimentos aumentaram 0,64%, causando impacto de 0,15 ponto percentual e tomando conta de 28% do índice do mês. Mas foram as passagens aéreas que exerceram o principal impacto no mês, com 0,09 ponto percentual. Para viagens em setembro, os vôos disponíveis subiram, em média, 23,40% em relação à média daqueles que foram disponibilizados pelas empresas para viagens em agosto, mês em que as tarifas haviam apresentado queda de 5,95%", informa o IBGE.

Faltando apenas três meses para acabar o ano, fica mais difícil a missão do Banco Central (BC) que, se não cumprir a meta, terá de enviar uma carta aberta ao Ministério Fazenda explicando os motivos.

Reportagem de EXAME.com pubicada na semana passada mostrou que a meta de inflação deste ano está por um fio. O IPCA acumulado em 12 meses tende a cair no último trimestre, pois as taxas registradas nesse período do ano passado foram muito elevadas. Porém, se houver alguma surpresa negativa, o índice não conseguirá encerrar o ano abaixo de 6,50%.

O próprio BC elevou para 6,40% a previsão oficial para a inflação neste ano. Por causa da crise, a autoridade moentária acredita que a pressão sobre os preços irá diminuir no ano que vem, permitindo que o IPCA encerre 2012 em 4,70%.

Mês IPCA em 12 meses
Fonte: IBGE
Março 6,30%
Abril 6,51%
Maio 6,55%
Junho 6,71%
Julho 6,87%
Agosto 7,23%
Setembro 7,31%

Comentários (0)  

Editora Abril

Copyright © Editora Abril - Todos os direitos reservados