México e EUA assinam formalmente acordo sobre comércio de açúcar

O México optou por fazer concessões à indústria de açúcar dos Estados Unidos para evitar qualquer impasse antes da renegociação do Nafta neste ano

Cidade do México – Os governos do México e dos Estados Unidos assinaram formalmente nesta segunda-feira um acordo negociado ainda no mês passado sobre o comércio bilateral de açúcar.

Autoridades do Departamento de Comércio norte-americano, do Ministério da Economia mexicano e da Câmara das Indústrias de Açúcar e Álcool do México assinaram o acordo que impedirá a imposição de taxas pelos EUA sobre as importações de açúcar do país vizinho, segundo o Ministério da Economia do México.

O México optou por fazer concessões à indústria de açúcar dos EUA para evitar qualquer impasse antes da renegociação do Tratado Norte-Americano de Livre Comércio (Nafta), marcada para o fim do verão no Hemisfério Norte.

O Nafta é composto por EUA, México e Canadá.

Os países estiveram envolvidos em uma disputa envolvendo o açúcar desde que agricultores dos EUA e um refinador de cana solicitaram ao governo dos EUA em 2014 que tomasse medidas para protegê-los contra supostas práticas de dumping do México no comércio do adoçante.