Meirelles: não é impossível ter novas concessões na Previdência

O ministro, no entanto, ressaltou que o "momento para pedir mudanças à proposta é antes do relatório, não depois"

Washington – O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou não ser impossível que ocorram novas concessões do governo para a aprovação da reforma da Previdência.

“Mas fica mais difícil”, segundo ele, depois da versão do relator da proposta na Câmara, deputado Arthur Maia (PPS-BA).

“Será mais difícil modificações na proposta no plenário da Câmara”, disse.

“Momento de pedir mudanças à proposta da reforma da Previdência é antes do relatório, não depois.”

Segundo o ministro, quando a comissão especial da Câmara votar o relatório do deputado Arthur Maia, será mais uma demonstração de que os poderes do País atuam plenamente.

“E isto mostrará também que as instituições no Brasil estão funcionando”, afirmou.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s