Latam desiste de refinanciar dívida da TAM

A Latam tinha anunciado a intenção de emitir dívida através de bônus não garantidos a longo prazo

Chile – A Latam Airlines, a maior companhia aérea da América Latina, anunciou nesta quinta-feira que desistiu de seu plano de colocar bônus nos mercados internacionais com o objetivo de recomprar a dívida emitida pela brasileira TAM, que integra o grupo aéreo junto à chilena LAN.

Segundo indicou a companhia em comunicado, a operação, anunciada em 5 de outubro, estava pendente de algumas condições que não se cumpriram, por isso que a companhia aérea decidiu dar marcha à ré.

A Latam tinha anunciado a intenção de emitir dívida através de bônus não garantidos a longo prazo sob a norma 144-A das leis de valores dos Estados Unidos mediante uma entidade constituída nas Ilhas Cayman.

O plano pretendia recomprar, trocar ou resgatar a dívida emitida pela TAM em 2007, com um bônus por US$ 300 milhões, e em 2011, com outro bônus por US$ 500 milhões. EFE