IPC-S tem deflação nas 7 capitais pesquisadas na 4ª quadrissemana

O índice intensificou o declínio ao passar de queda de 0,12% na 3ª quadrissemana a um recuo de 0,32% na última leitura do mês

São Paulo – O Índice de Preços ao Consumidor – Semanal (IPC-S), calculado pela Fundação Getulio Vargas (FGV), registrou deflação em todas as sete capitais analisadas na quarta quadrissemana de junho na comparação com a medição anterior.

O índice no período intensificou o declínio ao passar de queda de 0,12% na terceira quadrissemana a recuo de 0,32% na última leitura do mês.

A maior deflação foi registrada em Belo Horizonte (-0,66% para -0,74%), seguida de Brasília (-0,23% para -0,44%), Porto Alegre (0,01% para -0,36%) e Rio de Janeiro (-0,26% para -0,34%).

São Paulo teve variação negativa de 0,23% após queda de 0,04%, enquanto em Salvador o IPC-S caiu 0,20%, de elevação de 0,08% anteriormente. Recife teve deflação ligeira, de 0,08%, ante alta de 0,17%.