IPC-Fipe cai 0,15% na 2ª quadrissemana de julho

Queda acontece após ficar estável na primeira quadrissemana deste mês

São Paulo – O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que mede a inflação na cidade de São Paulo, caiu 0,15% na segunda quadrissemana de julho, após ficar estável na primeira quadrissemana deste mês, segundo dados divulgados hoje pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).

Os grupos que registraram desaceleração no período foram Habitação (de 0,74% para 0,11%), Educação (de 0,07% para 0,04%), Transportes (com deflação mais pronunciada, saindo de -0,38% para -0,49%) e Vestuário (com taxa um pouco mais negativa, de -0,06% para -0,11%).

Por outro lado, Despesas Pessoais (de 0,28% para 0,32%), Saúde (de 0,23% para 0,62%) e Alimentação (ainda que em terreno negativo, de -0,89% para -0,74%) apresentaram taxas mais elevadas na segunda quadrissemana de julho do que na leitura anterior.

Veja abaixo como ficaram os itens que compõem o IPC-Fipe na segunda quadrissemana de julho:

Habitação: 0,11%

Alimentação: -0,74%

Transportes: -0,49%

Despesas Pessoais: 0,32%

Saúde: 0,62%

Vestuário: -0,11%

Educação: 0,04%

Índice Geral: -0,15%