IPC-Fipe avança 0,35% na 2ª quadrissemana de dezembro

Os preços de Alimentação tiveram queda de 0,40%, menos acentuada do que o declínio de 0,65% registrado na primeira quadrissemana

São Paulo – O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que mede a inflação na cidade de São Paulo, subiu 0,35% na segunda quadrissemana de dezembro, mostrando aceleração frente ao ganho de 0,18% observado na primeira quadrissemana do mês, de acordo com dados divulgados hoje pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).

Na segunda prévia de dezembro, os preços de Alimentação tiveram queda de 0,40%, menos acentuada do que o declínio de 0,65% registrado na primeira quadrissemana.

Além disso, os custos dos demais seis componentes do IPC avançaram com mais força na segunda quadrissemana de dezembro do que na leitura anterior.

Em Habitação, o aumento foi de 0,29% na primeira quadrissemana deste mês para 0,48% na segunda quadrissemana. Em Transportes, de +0,31% para +0,36%.

Em Despesas Pessoais, de +0,90% para 1,00%. Em Saúde, de +0,41% para +0,43%. Em Vestuário, de +0,90% para +1,18%. E em Educação, de +0,07% para +0,08%.

Seguem abaixo as variações das categorias que compõem o IPC na segunda quadrissemana de dezembro:

Habitação: 0,48%

Alimentação: -0,40%

Transportes: 0,36%

Despesas Pessoais: 1,00%

Saúde: 0,43%

Vestuário: 1,18%

Educação: 0,08%

Índice Geral: 0,35%