Índice de Preços ao Produtor registra deflação de 0,55% em maio

O índice mede a evolução dos preços de produtos na saída das fábricas, sem impostos e fretes

Rio de Janeiro – O Índice de Preços ao Produtor (IPP), que mede a evolução dos preços de produtos na saída das fábricas, sem impostos e fretes, variou -0,55% em maio deste ano. É a menor taxa desde janeiro de 2010, quando teve início a a série histórica desse índice.

No mês anterior, a taxa havia sido 0,28% e, em maio de 2010, 0,47%. O dado foi divulgado hoje (5) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Nove das 23 atividades pesquisadas registraram queda nos preços em maio deste ano, em relação ao mês anterior. As principais influências vieram dos seguintes produtos: alimentos, que contribuíram com -0,36 ponto percentual para a taxa, refino de petróleo e produtos de álcool (-0,23 ponto percentual) e produtos químicos (-0,09 ponto percentual).

O indicador acumulado no ano ficou em 1,13%, enquanto nos últimos 12 meses chegou a 5,60%.