Índia precisará importar açúcar para combater escassez

País asiático é o maior consumidor global do adoçante, com uma demanda anual em torno de 25 milhões de toneladas

Nova Déli – A Índia vai precisar importar açúcar na temporada 2016/17, uma vez que a produção do país deverá cair para entre 21 milhões e 22 milhões de toneladas, disse o analista James Fry, nesta quinta-feira.

O país asiático é o maior consumidor global do adoçante, com uma demanda anual em torno de 25 milhões de toneladas.

“O Brasil vai ter açúcar suficiente para exportar porque o governo está tornando o etanol menos atrativo”, disse Fry, presidente do conselho da consultoria em commodities LMC International, ao falar em uma conferência do setor.

As usinas de açúcar da Índia produziram 12,85 milhões de toneladas de açúcar entre 1° de outubro de 2016 e 31 de janeiro de 2017, cerca de 10 por cento a menos que no ano anterior, enquanto usinas nos principais Estados produtores fecharam as operações mais cedo devido à falta de cana-de-açúcar.