Importações da China superam expectativas em agosto

As exportações mostraram sinais de enfraquecimento, entretanto, com o crescimento desacelerando a 5,5% sobre o ano anterior

Pequim- As importações da China cresceram mais do que o esperado em agosto, reforçando as visões de que a segunda maior economia do mundo ainda está expandindo a um ritmo saudável apesar da política monetária mais apertada.

As importações da China cresceram 13,3 por cento em relação ao ano anterior, mostraram dados oficiais na sexta-feira, superando a expectativa de analistas de aumento de 10 por cento e acelerando ante o ritmo de 11 por cento de julho.

“Os dados fortes de importações sugerem que a demanda doméstica pode estar mais resiliente do que o esperado no segundo semestre a uma política monetária menos expansionista”, disse Louis Kuijs, do Oxford Economics, em nota.

As exportações mostraram sinais de enfraquecimento, entretanto, com o crescimento desacelerando a 5,5 por cento sobre o ano anterior, contra expectativa de aumento de 6 por cento e abaixo dos 7,2 por cento de julho.

O crescimento das exportações foi o mais fraco desde que os embarques caíram em fevereiro, mas analistas não preveem uma desaceleração prolongada já que a demanda global ainda parece sólida.

Com isso a China registrou superávit comercial de 41,99 bilhões de dólares em agosto, informou a Administração Geral de Alfândega, o nível mais baixo desde maio.

Analistas esperavam 48,6 bilhões em agosto, após marca de 46,73 bilhões de dólares em julho.