Dólar R$ 3,27 -0,54%
Euro R$ 3,65 0,07%
SELIC 11,25% ao ano
Ibovespa 1,36% 64.085 pts
Pontos 64.085
Variação 1,36%
Maior Alta 4,89% RADL3
Maior Baixa -6,09% JBSS3
Última atualização 26/05/2017 - 17:20 FONTE

Fenabrave: piora da crise política barra programa de renovação

Programa é uma tentativa de estimular a venda de veículos no Brasil e tirar de circulação modelos mais poluentes e menos seguros

São Paulo – O presidente da Federação Nacional de Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), Alarico Assumpção Jr, afirmou nesta quarta-feira, 4, que a piora da crise política acabou barrando o avanço do programa de renovação de frota que vem sendo elaborado pelo governo em parceria com entidades do setor automotivo, numa tentativa de estimular a venda de veículos no Brasil e tirar de circulação modelos mais poluentes e menos seguros.

Segundo Assumpção Jr, o projeto continua parado na mesa Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços e ainda não houve um convite do presidente Michel Temer para que o tema fosse discutido mais profundamente com os representantes do setor.

“O governo tem sempre uma justificativa, lamentavelmente. Eu não quero transferir responsabilidade, mas no segundo semestre a questão política voltou muito gravemente, com essa briga entre poderes, isso abala, a inércia volta”, criticou o empresário.

Em novembro do ano passado, durante o Salão Internacional do Automóvel de São Paulo, o ministro Marcos Pereira, titular do MDIC, mostrou otimismo com programa de renovação de frota e disse que, até o fim de 2016, o projeto seria apresentado ao presidente Michel Temer. Afirmou também que tinha a expectativa de que, até o fim do primeiro semestre, o projeto saísse do papel e estivesse apto a entrar em vigor.