Editais do programa de saneamento do BNDES devem sair em janeiro

A presidente do BNDES destacou que 18 Estados já aderiram

Rio – Considerado uma das prioridades do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), o programa de concessões estaduais de saneamento terá evoluções em janeiro do ano que vem.

Os primeiros editais para os Estados que aderiram devem sair no primeiro mês de 2017, afirmou a presidente da instituição, Maria Silvia Bastos Marques.

“Vamos soltar dois ou três editais no início de janeiro”, afirmou a executiva em evento na Fundação Getulio Vargas (FGV). Segundo Maria Silvia, provavelmente serão os editais dos Estados que aderiram antes. Ela citou Rondônia e Pará.

A presidente do BNDES destacou que 18 Estados já aderiram. O objetivo é desenvolver projetos de parcerias com iniciativa privada para a realização de investimentos em abastecimento de água e esgotamento sanitário, buscando a universalização desses serviços nos Estados.

Em novembro, o BNDES publicou o edital de pré-qualificação técnica e jurídica para habilitação de consultores especializados interessados em fazer os estudos técnicos para estruturação dos projetos de saneamento integrantes do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), do governo federal.