Dyogo Oliveira é exonerado do Conselho de Administração do BNDES

Ministro interino do Planejamento foi exonerado do cargo "a pedido", segundo o Diário Oficial

Brasília – O ministro do Planejamento interino, Dyogo Henrique de Oliveira, pediu para sair do Conselho de Administração do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

A informação está publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira, dia 6.

A publicação traz o decreto de exoneração, “a pedido”, de Dyogo Oliveira da função de membro do colegiado do banco de fomento. Ele estava no posto desde dezembro do ano passado.