Crédito a empresas voltará a acelerar a partir do 1º tri

De acordo com a entidade, o indicador de perspectiva de crédito às empresas cresceu 0,2% em dezembro, confirmando uma sequência de elevações recentes

São Paulo – O ritmo de concessões de crédito às empresas deve recuperar o dinamismo a partir do primeiro trimestre deste ano, afirmou a Serasa Experian nesta quarta-feira, ponderando que o crédito ao consumidor, por sua vez, seguirá em crescimento moderado nos próximos meses.

De acordo com a entidade, o indicador de perspectiva de crédito às empresas cresceu 0,2 por cento em dezembro, confirmando uma sequência de elevações recentes.

“A atual trajetória de redução das taxas de juros e o cenário de retomada mais firme da atividade econômica, após um segundo semestre de 2011 em estagnação, deverão impulsionar a busca por crédito por parte das empresas já a partir dos primeiros meses de 2012”, afirmaram os economistas da Serasa.

Já o indicador de perspectiva de crédito ao consumidor recuou 0,3 por cento em dezembro. Apesar da queda, a entidade prevê que as concessões a consumidores devem continuar evoluindo em 2012, mas em ritmo mais lento que o visto no ano passado.

“Por um lado, o governo vem tentando estimular o consumo via crédito com reduções de juros, reversão das medidas macroprudenciais e isenções tributárias. Por outro lado, o consumidor, pelo forte crescimento verificado no crédito nestes últimos anos, encontra-se mais endividado”, assinalaram os economistas.

Segundo a Serasa, o nível de endividamento mais elevado deve ser responsável por manter o crédito ao consumidor em trajetória moderada de expansão no médio prazo.