Contratação do comércio sobe 5,1% em outubro em SP

a comparação com setembro de 2011, houve um aumento de 0,6% nas admissões

São Paulo – O número de contratações formais no comércio varejista da região metropolitana de São Paulo aumentou 5,1% em outubro em relação ao mesmo mês de 2010, informou hoje a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (Fecomercio-SP), que toma como base os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho e Emprego.

Na comparação com setembro de 2011, houve um aumento de 0,6% nas admissões. Em outubro, foram realizadas 47.936 admissões pelo comércio varejista e 41.929 demissões, o que resulta em saldo de 6.007 empregados. O mês somou 972.933 vagas ocupadas.

A Fecomercio-SP nota uma desaceleração do nível de emprego desde julho, quando o crescimento no número de contratações foi de 5,7% na comparação com o mesmo mês de 2010.

A taxa de rotatividade do comércio na região metropolitana foi de 4,6% em outubro ante setembro. No acumulado de 2011 até outubro, essa taxa foi de 4,8% e de 4,7%, em doze meses.

A Fecomercio-SP afirma, em nota, que a tendência de desaceleração de contratações formais ocorre em outras regiões do País e é corroborada pelo recuo de 0,6% em outubro na comparação com setembro na produção industrial medida pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em relação a outubro de 2010, a queda foi de 2,2%. A entidade citou o Índice de Confiança do Consumidor (ICC), calculado pela própria entidade, que mostra quedas de 1,4% e 2,2% nesses mesmos intervalos, respectivamente.