Comércio espera alta de até 5% em vendas no Dia das Mães

O levantamento foi realizado com 127 lojistas da capital paulista entre os dias 6 e 8 de maio

São Paulo – Sondagem realizada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (Fecomercio-SP) aponta que os comerciantes esperam faturamento de 3% a 5% maior nas vendas do Dia das Mães do que o registrado em 2011. O levantamento foi realizado com 127 lojistas da capital paulista entre os dias 6 e 8 de maio.

A pesquisa mostra que 38% dos empresários entrevistados estão realizando algum tipo de promoção. Desse total, 63% oferecem descontos para os consumidores. Para atender à demanda aquecida, 29% dos empreendedores estão com estoque maior para o Dia das Mães em relação ao ano anterior e 53% mantêm a mesma média de 2011. No entanto, apenas 12% dos lojistas contrataram funcionários temporários para o período que antecede a comemoração.

A Fecomercio-SP aponta que a expectativa de aumento nas vendas é reforçada pelo resultado de alguns indicadores medidos pela entidade. Em abril, o Índice de Confiança do Consumidor (ICC) atingiu 164 pontos e demonstra forte otimismo entre os consumidores.

A Pesquisa de Endividamento das Famílias (PEIC), do mesmo período, apontou que 50,6% das famílias têm algum tipo de dívida – nível que, em anos anteriores, ficou acima de 70%. O resultado, segundo a Fecomercio-SP, demonstra que os paulistanos estão controlando melhor o orçamento e há espaço para as compras.