Aneel homologa parcialmente leilão de transmissão de Energia

Na reunião de hoje, dos 31 lotes vendidos, 28 tiveram os resultados adjudicados

Brasília – A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) homologou parcialmente o resultado do leilão de transmissão realizado em 24 de abril deste ano. Dos 35 lotes, apenas quatro não foram arrematados. Na reunião de hoje, dos 31 lotes vendidos, 28 tiveram os resultados adjudicados.

Em três casos, consórcios que disputaram os lotes questionaram a habilitação dos vencedores. Quando isso acontece, a Aneel suspende o processo até o julgamento final pela diretoria.

O lote 15, vencido pela Sterlite Power Gride, com deságio de 25,87%, foi questionado pelo consórcio Millenium Transmissão.

O lote 33, que ficou com o consórcio Pará, com deságio de 16,14%, teve o resultado questionado pela Ceepower Brazil Holding.

E o lote 34, vencido pelo consórcio Omnium Energy, com deságio de 40,50%, foi questionado pela Empresa Amazonense de Transmissão de Energia.

Os demais lotes tiveram o resultado homologado e adjudicado. Na licitação, o deságio médio foi de 36,47%. Os investimentos nos 31 lotes estão estimados em R$ 12,7 bilhões e receita anual permitida (RAP) de R$ 42,3 bilhões. As linhas somam 7.068 quilômetros de extensão.