Alemanha tem inflação estável; Espanha anuncia alta

Na Alemanha, de acordo com o instituto federal de estatísticas Destatis, o resultado de 2% representa uma leve baixa na comparação com agosto

Berlim – A Alemanha registrou uma inflação de 2% em ritmo anual no mês de setembro, ao mesmo tempo que a Espanha anunciou um índice em alta no mesmo mês, a 3,5%.

Na Alemanha, de acordo com o instituto federal de estatísticas Destatis, o resultado de 2% representa uma leve baixa na comparação com agosto, que registrou resultado de 2,1%.

Na Espanha, estimulado pelo aumento do IVA. a inflação registrou o maior nível desde abril de 2011, segundo o Instituto Nacional de Estatística (INE).

O instituto confirmou os dados provisórios divulgados no dia 28 de setembro. A inflação espanhola havia sido de 2,7% em agosto e 2,2% em julho.

Sem o efeito do IVA, em setembro o resultado teria sido de 1,4%.