Sonda lunar chinesa prepara viagem de retorno à Terra

Sonda chinesa lançada no dia 24 de outubro chegou hoje ao campo gravitacional da Lua e já prepara o retorno à Terra

Pequim – A sonda chinesa lançada no dia 24 de outubro chegou nesta segunda-feira ao campo gravitacional da Lua e já prepara o retorno à Terra, informou a imprensa estatal.

Sem nome oficial, o veículo experimental deve demorar cerca de 32 horas para iniciar a viagem de retorno. A sonda, que realizará meia volta ao redor da Lua e retornará à Terra no sábado, é a primeira desenvolvida pela China projetada para voltar ao planeta.

O objetivo da missão é testar as tecnologias de retorno, como o controle da navegação ou o escudo de proteção contra o calor gerado pela reentrada na atmosfera.

Os resultados obtidos serão empregados no desenvolvimento da sonda Chang’e 5, prevista para 2017, que deve aterrissar na Lua, pegar amostras e retornar à Terra.

As sondas Chang”e 1 e 2, lançadas respectivamente em 2007 e 2010, realizaram voltas ao redor da Lua, enquanto a Chang”e 3 aterrissou na superfície lunar em dezembro de 2013.

A sonda Chang”e 4 foi desenvolvida como veículo de reserva da Chang”e 3 e é utilizada para experimentação.

O desenvolvimento de tecnologias de retorno pode visar uma missão tripulada à Lua. Entre 2003 e 2013, e astronautas chineses fizeram cinco missões ao espaço a bordo de naves “Shenzhou”.

A China lançou nesta segunda-feira um satélite para a realização de experimentos científicos. O satélite Shijian-11-08 foi enviado ao espaço por um foguete Longa Marcha 2C.