Arquivo de Albert Einstein será disponibilizado online

A universidade disse que a coleção seria disponibilizada em um site aberto ao público

Jerusalém – O arquivo de Albert Einstein será digitalizado e disponibilizado na Internet dentro de um ano, informou nesta segunda-feira a Universidade Hebraica de Jerusalém.

Einstein, que morreu em 1955, deixou seus arquivos em herança para a universidade, da qual ele foi um dos co-fundadores. O arquivo contém mais de 80 mil documentos do cientista judeu, nascido na Alemanha, considerado o pai da física moderna.

“É a coleção mais importante de seus documentos e uma coleção importante da história do século 20”, disse Roni Grosz, diretor do Arquivo Albert Einstein, da Universidade Hebraica.

A universidade disse que a coleção, que inclui cadernos de pesquisa, correspondência com colegas e amigos e artigos que Einstein fez nas áreas da ciência, filosofia e política, seria disponibilizado em um site público que a instituição está criando.