São Paulo – A presidente da Petrobras Maria das Graças Foster lidera a lista das mulheres mais poderosas do mundo dos negócios e que atuam fora dos Estados Unidos, segundo a Revista Fortune. O ranking que foi divulgado nesta quinta-feira será publicado na íntegra na edição de 8 de outubro da revista.

Esta é a primeira vez que a executiva brasileira aparece no ranking. E na sua estreia já desbancou veteranas como Cynthia Carroll, que lidera a britânica Anglo American e figurou na primeira posição no ano passado, e a australiana Gail Kelly, CEO da australiana Westpac.

Em agosto passado, ela ganhou o título de terceira mulher mais poderosa do mundo dos negócios da Forbes. Na lista de negócios, ela ficou atrás de duas veteranas do ranking da Forbes, Indra Nooyi, CEO da Pepsico, e Irene Rosenfeld, da Kraft Foods. No ranking geral, Graça Foster aparece na 20ª posição, enquanto a presidente Dilma Roussef figura na terceira colocação. 

Com 30 anos de carreira na companhia, Graça Foster assumiu o comando da empresa em fevereiro deste ano. Antes disso, foi diretora de Gás e Energia da Petrobras, presidente da Petrobras Distribuidora, presidente da Petroquisa e gerente executiva de Petroquímica e Fertilizantes. Entre 2003 e 2006, foi secretária de Petróleo e Gás do Ministério de Minas e Energia.

Ela foi a primeira mulher a ocupar uma posição na diretoria executiva da Petrobras. É formada em Engenharia Química pela Universidade Federal Fluminense (UFF), possui mestrado em Engenharia Nuclear pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (COPPE/UFRJ) e MBA em Economia pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Ela é descrita pela Fortune como a líder da “maior produtora de petróleo em águas profundas do mundo, com um rendimento de US$ 146 bilhões, 84 mil empregados e uma produção de cerca de 2,6 milhões de barris por dia”. Além de ser alguém que está “trabalhando duro” para garantir o futuro da Petrobras: “ela lançou um plano para investir 236,5 bilhões de dólares nos próximos cinco anos”, afirma a publicação. 

Além dela, a americana Grace Lieblein, que preside a subsidiária da General Motors no país, também representa o Brasil no ranking. Ela aparece na 34ª posição. Confira a lista das 10 mulheres mais poderosas do mundo dos negócios - fora dos Estados Unidos: 

Ranking Nome Empresa País
1 Maria das Graças Foster Petrobras Brasil
2 Gail Kelly Westpac Austrália
3 Cynthia Carroll Anglo American Reino Unido
4 Barbara Kux Siemens Alemanha
5 Chanda Kochhar ICICI Bank Índia
6 Güler Sabanci Sabanci Holding Turquia
7 Alison Cooper Imperial Tobacco Group Reino Unido
8 Sock Koong Chua Singapore Telecommunications Cingapura
9 Annika Falkengren SEB Suécia
10 Marjorie Scardino Pearson Reino Unido

Tópicos: Graça Foster, Executivos brasileiros, Mulheres executivas, Mulheres, Petrobras, Empresas, Capitalização da Petrobras, Estatais brasileiras, Petróleo, gás e combustíveis, Empresas brasileiras, Empresas estatais, Empresas abertas, Indústria do petróleo, Rankings, Listas