São Paulo –  O aumento do valor de mercado de um profissional passa, necessariamente, pela adoção de uma postura proativa. É o que defende a coach Marcia Luz, autora do livro “Construindo um Futuro de Sucesso” (Qualitymark).“As pessoas proativas constroem a sua história e não são reféns dela, como os reativos, que se comportam a partir do estilo do ambiente”, explica.

Ricardo Reis, gerente do Grupo Multi, concorda. “As oportunidades nas empresas aparecem para os profissionais proativos”, diz. De acordo com os especialistas, algumas atitudes que revelam esta proatividade são essenciais na para quem quer aumentar o valor do seu “passe” no mercado. Confira quais são elas:

1 Seja melhor do que o salário que recebe

“E faça isso não pela empresa, mas pela sua carreira”, diz Marcia. Reclamações a respeito do salário são muito frequentes. Quem nunca disse ou mesmo ouviu de um colega: “não ganho para isso”?

No entanto, diz Marcia, mesmo que a sua empresa não mereça, o ideal é deixar a reclamação de lado e arregaçar as mangas. “Enquanto estiver ali, seja o melhor. Quando o trabalho é bem feito, o mercado reconhece e oferece mais”, diz Marcia. 

De acordo com ela, um profissional sabe que está ganhando muito aquém do que oferece quando recebe uma proposta de outra empresa. “Quando uma empresa concorrente fizer uma oferta de emprego para a pessoa ganhar o dobro do que recebe, ela vai perceber que estava ganhando pouco”, explica.

Mas, ressalta Reis, só consegue fazer isso quem não tem dúvidas a respeito da escolha da carreira. “Gostar do que faz é o ponto de partida”, diz. O especialista também recomenda um novo jeito de encarar a situação. “É olhar como se fosse o dono do negócio”, diz. 

2 Ofereça mais do que estabelece seu ‘job description’

Profissionais que vão além de suas atribuições tendem a ser mais valorizados. “Digamos que tenha sido contratado para realizar as tarefas A e B. Faça A e B e C, D e E também”, recomenda a especialista. 

Ao fazer isso espontaneamente você cuida da sua imagem profissional e evolui. A percepção do seu valor será uma questão de tempo. “As pessoas devem se perguntar: será que estou fazendo tudo o que eu posso para a empresa me oferecer uma oportunidade melhor”, diz.

3 Prepare-se para a oportunidade antes de ela chegar

“Não é na linha do ‘ deixa a vida me levar’ que as pessoas vão conseguir o crescimento profissional desejado”, diz Marcia. Ou seja, esteja preparado para assumir um cargo acima, mesmo que não tenha, ainda, uma promoção em vista.

Marcia conta a história de uma profissional contratada para ser analista de RH em uma empresa que teve esta visão mais ampla e de deu bem. “Ela fazia muito mais do que o trabalho de analista, e certo dia a empresa percebeu que ela já era uma gerente de RH, embora não existisse o cargo lá ainda e a promoveu, hoje ela é diretora”.

Não espere uma promoção para mostrar o seu diferencial. “O ideal é fazer investimento em você como profissional, fazer cursos para se manter empregável e isso deve ser feito enquanto estiver trabalhando”, diz Reis. Ele lembra que ao investir em qualificação, o profissional tema chance de se tornar especialista em determinado assunto e garante o tão sonhado ‘upgrade’ na carreira.

4 Ao invés de apontar problemas, proponha soluções

“Sempre que levar uma questão ao superior, leve alternativas de solução”, diz Marcia. Você pode não ter autonomia para tomar decisões a respeito da resolução do problema mas pode sugerir caminhos . “Vá atrás de solução, elabore três pequenos planos de ação”, recomenda a especialista. 

Tópicos: Ascensão profissional, Atitude, Carreira e Salários, Carreira, Sucesso