Aguarde...

Dicas de português | 16/01/2013 15:30

Aonde ou onde: como usar?

Reinaldo Passadori ensina alguns macetes para nunca mais errar na hora de usar os advérbios

Editado por Talita Abrantes, de

Sanja Gjenero / SXC

Livro com mapa ao fundo

* Respondido por Reinaldo Passadori, do Instituto Passadori – Educação Corporativa


No corre corre de nossas vidas, nem sempre estamos atentos ao real sentido e uso adequado das palavras. Com a utilização dos advérbios “onde” e “aonde” não é diferente: existem sempre a confusão e a dúvida, e no fim acabam sendo usados de maneira inadequada.

Para que essas dúvidas comecem a ser sanadas, inicio nossa conversa, explicando a função gramatical do advérbio, que é uma classe de palavras, que como o nome indica, acompanha e modifica um verbo (ad-vérbio).

Agora veja abaixo uma breve explicação sobre os significados das palavras onde e aonde:

Onde: Indica lugar em que algo ou alguém está, deve ser utilizado somente para substituir vocábulo que expressa a ideia de lugar.

• Não sei onde fica a cidade de Araguari.

• Nesta sala de reunião aconteceu a melhor negociação de todos os tempos, onde se garantiu o fechamento do nosso melhor contrato.

Para evitarmos a repetição do uso desses advérbios, podemos usar os seguintes pronomes relativos: ‘’em que’’, ‘’na qual’’, ou ‘’no qual’’.

Veja mais alguns exemplos com os substitutos para “onde”:

• Vivemos numa cidade na qual constantes transformações tecnológicas vêm ocorrendo.

• Neste estado, no qual o cultivo de uva é tradição, as chuvas prejudicaram muito a colheita deste ano.

Aonde: Indica também lugar em que algo ou alguém está, porém quando o verbo que se relacionar com "onde" exigir a preposição “a”, deve-se agregar esta preposição, formando assim, o vocábulo "aonde". Expressa a ideia de destino, movimento, conforme exemplos a seguir:

• Aonde você irá depois das visitas?

• Eles chegaram aonde ninguém nunca mais chegou nesta empresa.


Para deixar mais clara e objetiva a diferença entre o uso de “onde” e “aonde”, apresento mais exemplos:

• “Aonde você vai?” Neste caso há o sentido de destino, expresso pelo verbo ir.

• “Onde você mora?” Nesta frase o significado expressa a ideia de local fixo, moradia, justificando o uso do advérbio onde.

E então surge mais uma dúvida: Como identificar o contexto certo para fazer uso delas?

No ambiente corporativo, a fluidez do diálogo é, definitivamente, bem exercida se a sua intencionalidade fica explícita pelo emprego correto das palavras, promovendo assim a coesão e coerência na mensagem transmitida. Por isso enfatizo, onde quer que você esteja, ou aonde quer que você vá, não deixe de conhecer bem os padrões da língua portuguesa para conquistar seus objetivos e sonhos! 

 

 

Reinaldo Passadori

 

Reinaldo Passadori é CEO e fundador do Instituto Passadori – Educação Corporativa

Comentários (0)  

Editora Abril

Copyright © Editora Abril - Todos os direitos reservados