São Paulo - Se você acredita que não há mais possibilidade de crescimento dentro da sua atual empresa e está à procura de oportunidades no mercado, mas quer fazer a transição com a carteira assinada, fique atento a algumas regras. A VOCÊ S/A conversou com Adriana Prates, presidente da Dasein Executive Search, empresa de recrutamento executivo, sobre o assunto e ela dá 5 dicas fundamentais:

1 Tenha absoluta certeza de que você deseja sair da empresa. Quando o objetivo for apenas um upgrade ou uma promoção, essa busca pode começar internamente, sem precisar procurar no mercado. 

2 Seja discreto. Conte apenas para algumas pessoas próximas que você está à procura de uma nova oportunidade, isso evita que a informação se espalhe descontroladamente.

3 Atualize sempre as suas redes sociais – principalmente as relacionadas a trabalho. Procure postar com determinada frequência para ser notado na rede e para não correr o risco de levantar suspeita quando, de repente, for um internauta muito ativo por determinado período.

4 Não use a infraestrutura da empresa para procurar emprego. Se você usar o telefone e computador corporativo, corre risco de prejudicar a sua imagem e, no limite, de ser demitido por justa causa, já que está deixando de cumprir suas tarefas profissionais para encontrar uma nova vaga.

5 Seja flexível – mas com limites. Você não precisa fugir do trabalho para participar dos processos seletivos e aceitar qualquer proposta do recrutador. Tente marcar as conversas nos primeiros horários da manhã, na hora do almoço ou até no fim de semana. Os headhunters estão acostumados com isso. 

Tópicos: Busca de emprego, Comportamento, Etiqueta no trabalho