Dólar R$ 3,27 -0,31%
Euro R$ 3,66 0,08%
SELIC 11,25% ao ano
Ibovespa 1,60% 62.662 pts
Pontos 62.662
Variação 1,60%
Maior Alta 9,53% JBSS3
Maior Baixa -1,42% EMBR3
Última atualização 23/05/2017 - 17:20 FONTE

7 passos para definir (e atingir) as metas para 2014

Confira um passo-a-passo sugerido por dois especialistas para estabelecer objetivos e aumentar as chances de cumpri-los até o fim do ano

São Paulo – “A vida sem metas é o tédio”, diz Ernesto Haberkorn, sócio-fundador da TOTVS, diretor-executivo da TI Educacional e criador do Circuito NETAS. Ele conta que todo dia 31 de dezembro verificar se cumpriu seus objetivos naquele ano e faz novas resoluções para o próximo.

É inegável que o seu hábito “sagrado” da véspera de ano-novo trouxe bons resultados ao longo de 40 anos de carreira. “Sempre digo que para atingir o sucesso, chegar lá na vida, é preciso ter metas e um dos princípios para ter qualidade de vida é cumpri-las”, explica.

Por isso, pedimos a ele e ao sócio da Kaminarh Consulting, Fernando Camilo um passo-a-passo na hora de pensar, escrever e colocar em prática as metas para 2014. Confira:

1 Reveja a lista do ano passado

É hora de fazer o balanço de carreira e conferir se alguma meta não cumprida em 2013 deve ser incluída na lista para 2014. Só vale colocar se ainda faz sentido para você ir atrás daquele objetivo. Do contrário, risque.

2 Descubra quais serão os desafios profissionais

“É interessante ter uma ideia de quais serão os principais desafios e a necessidade da empresa para o próximo ano”, diz Camilo. Ele indica que uma conversa com o chefe e com os colegas de trabalho pode esclarecer dúvidas. “O chefe geralmente tem uma visão de horizonte, então é bom conversar com ele, ver como foi o ano e falar sobre o próximo”, diz ele.

3 Escolha metas desejáveis e atingíveis

“A meta tem que ser realista e desejável”, diz Haberkorn. Ou seja, é preciso querer atingir o objetivo, não adianta escolher uma meta se não há a real motivação para atingi-la.

E ela precisa ser realista, isto é, possível. “Ela não deve ser fator de stress, não deve estar acima da capacidade da pessoa”, explica Haberkorn. Além disso, o objetivo deve ser possível de ser atingido até o fim do ano que vem.

“Não pode ser um prazo muito longo, sempre falo para as pessoas que, se elas têm objetivos para atingir em 15 anos, deve estabelecer metas intermediárias”, explica.

Os dois especialistas recomendam que sejam estabelecidas cinco metas profissionais, além das pessoais. “Devem ser poucas, bem focadas”, diz Haberkorn. “No máximo, sete objetivos” diz Camilo.


4 Escreva e priorize

“Meta tem que ser escrita”, diz Haberkorn. O sócio fundador da TOTVS não recomenda o uso de gadgets ou aplicativos para fazer a lista. “Trabalho com TI, mas acho melhor escrever as metas no papel porque a gente perde tanta coisa nesses meios eletrônicos”, diz ele lembrando de antigos textos que tem guardados em disquete.

Em suas palestras, Haberkorn recomenda às pessoas que tenham um diário. “A meta deve estar neste diário, onde são anotados apenas fatos relevantes da vida das pessoas. Além de ótima leitura quando a pessoa ficar velha, é impressionante como será possível notar como esquecemos de momentos importantes”, conta.

Com papel na mão e as metas na cabeça, é hora de priorizar, recomendam Haberkorn e Camilo. O que é preciso fazer primeiro? “A pessoa deve estabelecer, qual a meta zero, qual a meta número 1, qual a número 2”, indica Camilo.

5 Defina quais são as tarefas necessárias para atingir cada uma delas

“A meta gera tarefas”, diz Haberkorn. Por exemplo: se a meta é adquirir fluência em inglês, a tarefa é estudar, seja sozinho ou com o apoio de uma escola ou professor particular. Por isso é importante saber o que você deve fazer na prática para alcançar o objetivo.
Haberkorn também recomenda que sempre haja uma reflexão sobre o quanto as atividades desempenhadas estão alinhadas com as metas pretendidas. Quando estiver no trabalho reflita se o que você está fazendo vai ajuda-lo a alcançar os seus objetivos.

6 Crie indicadores para acompanhar o seu desempenho

Camilo diz que é importante criar maneiras de checar se as metas foram cumpridas ou não. “Um profissional que tenha estabelecido como meta a capacidade de conversar em inglês deve ter um indicadores que mostrem quando ele atingiu a meta”, diz. Nesse caso pode ser o teste prático de conversação.

7 Seja flexível, mude a lista quando necessário

“Deve haver flexibilidade, o profissional deve ser capaz de prever o que o espera, mas como toda previsão, isso pode se desviar”, diz Camilo. Esteja preparado para mudar a prioridade acrescentar ou eliminar metas tendo em vista o cenário que se apresenta.