Dólar R$ 3,27 -0,54%
Euro R$ 3,65 0,07%
SELIC 11,25% ao ano
Ibovespa 1,36% 64.085 pts
Pontos 64.085
Variação 1,36%
Maior Alta 4,89% RADL3
Maior Baixa -6,09% JBSS3
Última atualização 26/05/2017 - 17:20 FONTE

Prefeito de Curitiba decreta recesso para economizar água e luz

Decreto publicado no Diário Oficial do município determina a paralisação das atividades das repartições públicas nos dias 28, 29 e 30 de dezembro

São Paulo – O prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet (PDT-PR), decretou recesso nas repartições públicas nos três últimos dias úteis de 2016/ com o objetivo de reduzir os gastos de serviços como água, luz, transporte, telefonia, material de consumo, entre outros.

Publicado no Diário Oficial do município na quinta-feira (22), o decreto determina a paralisação das atividades nas secretarias, procuradoria geral e nos gabinetes nos dias 28, 29 e 30 de dezembro.

Ao publicar o decreto 1365, o prefeito justificou o recesso pela “efetiva redução do público que busca atendimentos de rotina nos órgãos da administração municipal” em razão das festividades de Natal e Ano Novo.

“Ficam autorizadas as autarquias e fundações públicas, as sociedades de economia mista e empresas públicas da Administração Municipal a adotar o regime de recesso aqui decretado, observadas as mesmas condições aqui estabelecidas e garantido o atendimento a serviços essenciais”, determinou o prefeito.

Por meio de nota, o prefeito eleito da capital paranaense, Rafael Greca (PMN-PR), classificou o recesso como um descaso de Fruet com a cidade. “Os 3 dias de recesso agora somado aos outros dados ainda no final do mês de outubro antes do segundo turno revelam o descaso da gestão do prefeito Gustavo Fruet para com a cidade e sua população. É um triste fim”, lamentou.

Veja decreto na íntegra:

decreto-prefeitura-curitiba-recesso