PF deflagra operação mirando Aécio Neves

Segundo emissora, há um mandado de prisão contra a irmã do senador

São Paulo – Policiais federais cumprem na manhã desta quinta-feira mandados de busca e apreensão em um apartamento do senador Aécio Neves (PSDB-MG) no Rio de Janeiro e em gabinetes de parlamentares no Congresso Nacional, em um desdobramento da operação Lava Jato, segundo a emissora Globonews.

Há um mandado de prisão contra a irmã do senador, Andreia Neves, segundo a Globo.

Imagens do canal de televisão mostraram agentes da Polícia Federal entrando em um prédio de frente para a praia de Ipanema onde Aécio, que também é o presidente do PSDB, tem um apartamento, também segundo a Globo. O local estava vazio e a polícia precisou da ajuda de um chaveiro para ingressar, acrescentou.

A operação foi deflagrada depois que Aécio foi gravado pedindo 2 milhões de reais ao empresário Joesley Batista, um dos donos do frigorífico JBS, segundo reportagem do jornal O Globo na quarta-feira confirmada à Reuters por três fontes.

A Polícia Federal também cumpre mandados nesta manhã no Congresso Nacional, onde faz buscas nos gabinetes de Aécio, do também senador Zezé Perrela (PMDB-MG) e do deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR), de acordo com a Globonews.

Um ex-assessor do ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha (PMDB) também está entre os alvos da ação no Rio de Janeiro, segundo a emissora.

Agentes da PF também realizam buscas no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), tendo como alvo a Procuradoria-Geral Eleitoral, informou o TSE.

Procurada, a Polícia Federal disse que irá se manifestar “assim que for possível”.

(com Reuters)